Sábado, 15 de Dezembro de 2012

thoughts from the past.

 

"Hoje acordei com um aperto no coração. Sentia-me a sufocar, sem forças, com o coração cada vez mais apertado. Não conseguia entender o que se passava comigo, até que me lembrei, hoje, dia 3 de Dezembro, faz precisamente 5 meses desde aquela noite.

   Não gosto de falar sobre isso, sobre essa noite, mas parece que é isso que o meu coração quer. Que eu fale, que eu ponha o passado para trás, que eu tente perceber as coisas, que eu alivie a alma.

   Era uma noite de verão, de um doce verão. Noite quente, aroma no ar, muita bebida, música a tocar, um bom grupo de amigos. Conheci-te do nada, e assim como nos conhecemos, do nada tivemos. Podes não acreditar, mas tornas-te aquela noite perfeita.

   Tu, com aquela só tua maneira de ser, fizeste-me sentir como nunca outra rapaz me fez sentir. O teu toque, os teus beijos, os teus actos, mas principalmente as tuas palavras fizeram com que me sentisse única, importante, especial. É incrível como em apenas uma noite mudas-te a minha vida.

   Sei que fiz de pequenas coisas grandes acontecimentos, e foi isso que te afastou de mim. Com os meus actos ficas-te a pensar coisas que eu nem sentia, e tu, como bom rapaz, afastaste-te para não me magoares, acabando por me magoares ainda mais. São tão estúpidas as voltas que a vida dá só por causa de mal entendidos, já viste bem? O que podia ter sido perfeito não o foi porque alguém entendeu mal as coisas.

   Não te culpo pelo o que aconteceu, culpo-me a mim por ter agido sem pensar. Ao menos se tivesse feito as coisas de maneira diferente… Mas é passado, e esse já lá vai.

   Continuo com a esperança de que um dia isto dê certo, mas como dizem, esta é a última a morrer, mesmo quando o coração já se apercebeu de que nada irá acontecer.

E sei que o que sinto e o que penso em nada se compara com aquilo que sentes e pensas. Sei que não fui assim tão importante para ti, mas deixa o meu coração viver na ilusão… o coitado já sofreu o suficiente.

   Quero-te também dizer que, além de tudo isto, foste das melhores pessoas que já conheci. Em toda a minha vida nunca conheci alguém que fosse tão puro, tão simples, tão único. Tu és pateta e só dizes parvoíces. Fazes as pessoas sorrir só ao sorrires também. Tens um riso maravilho e um coração mole. És simpático e um doce de pessoa. E sei, com toda a certeza, que a rapariga que tiver a sorte de te ter, vai ser uma rapariga feliz. Espero que a encontres.

   Por fim, quero-te só dizer que vai passar vários meses ate que te volte a ver, e que certamente, na minha vida vão entrar e sair imensas pessoas, mas tu vais ser sempre o tal, aquele que me mudou.

   E se nos voltarmos a encontrar e sentires um silêncio, não te preocupes, é só um segundo e foi o meu coração que parou quando te viu."

 


 

(Hoje quando andava a vasculhar os textos que tenho aqui guardados, dei por mim a ler este e sorri... Já se passou algum tempo desde que o escrevi, mas fico feliz por termos (de certo modo) resolvido as coisas e podermos manter uma relação de amizade, mesmo que esta seja minima).

publicado por Cris. às 13:19
link do post | comentar | favorito
18 comentários:
De InêsGonzalez a 15 de Dezembro de 2012 às 16:16
escreves tão bem *_*


tas mal por coisas amorosas não é !? x:
De Teresa Isabel Silva a 16 de Dezembro de 2012 às 13:32
Esses sentimentos são normais. São as pequenas coisas de que falas que tornam uma relação especial...
Mas ainda bem voces resolverem as coisas...

Bjxxx
De V. a 18 de Dezembro de 2012 às 12:45
Talvez pareça real porque é baseado em factos verídicos. Muito obrigada, querida. :)
De V. a 18 de Dezembro de 2012 às 13:05

Eu coloquei a tag porque, apesar de ser baseado em factos reais, tem parte ficção que eu fiz, porque na realidade, não foi bem assim que aconteceu.
De brittany a 18 de Dezembro de 2012 às 20:31
segui de volta*
beijinho.
De Cris. a 19 de Dezembro de 2012 às 16:32
:) *
De Flɑɑ a 20 de Dezembro de 2012 às 13:41
Escreves tão bem 'bidinha... Emocionei-me a ler este texto, está sem dúvida alguma muito forte e verdadeiro.
Não sei o que se passou, mas seja o que for, estás a ser uma guerreira em enfrentar todos os teus sentimentos!
Beijinhos ♥
De InêsGonzalez a 20 de Dezembro de 2012 às 14:17
felizmente as coisas já andam melhores hihi ^^ 
De InêsGonzalez a 20 de Dezembro de 2012 às 14:52
as coisas estão, finalmente, a recompor-se ! :) espero sinceramente que ctg tb esteja tudo bem :))
De Flɑɑ a 20 de Dezembro de 2012 às 17:34
Sei bem o que isso é meu amor... vamos buscar recordações do passado, como por exemplo este teu texto, para vermos aquela  força que tivemos e agora não estamos a conseguir a ter. Agarra-te a estas coisinhas que nos fazem crescer e aprender, todos os dias estamos a aprender, por pouco que seja. E tu... tu minha linda... vais ser FELIZ! Quem é bom, então como tu, merece.
Beijinho*
De Isabela a 20 de Dezembro de 2012 às 22:21
A vida dá muitas voltas e encarrega-se sempre de nos levar aos sítios correctos.
Obrigada pelas palavras de incentivo, foste muito querida :)
Beijinhos.

Comentar post

PerfilxAdicionar

It's a Wild World

cristina. dezassete. açores.
“Às vezes a realidade apenas traz dores desnecessárias,
felizes são os que vivem no mundo da lua.”